Capítulo 16: Competição monopolística

A competição monopolística, ou concorrência imperfeita, é um tipo de mercado que compreende tanto características dos mercados em concorrência perfeita as dos mercados em situação de monopólio. As empresas neste mercado são formadoras de preço, mas não com controle total como no caso do monopólio, em função dos produtos similares;

Características do mercado em concorrência monopolística:

(i) muitos vendedores disputando uma mesma clientela;

(ii) produto diferenciado, entre os concorrentes ele é basicamente o mesmo, mas cada empresa tem em seu produto características que o diferenciam dos demais, tornando-os similares com certo grau de diferenciação;

(iii) ausência de barreiras à entrada. A última característica faz com que o lucro de longo prazo nessa estrutura de mercado seja zero;

As empresas neste tipo de mercado seguem a mesma regra para maximização do lucro, portanto no ponto de lucro máximo -> RMg = CMg. Mas, a estratégia dessas empresas será sempre a maximização do lucro de curto prazo, sabendo que no longo prazo o lucro tente a zero?

O mesmo processo de contração dos lucros no longo prazo da concorrência perfeita ocorre também na estrutura da competição monopolística. Lucros extraordinários irão atrair novas empresas, e dada a ausência de barreiras à entrada elas vão entrar no mercado e diluir esse lucro extra, permitindo um processo de ajuste que leva ao lucro normal nesse mercado no longo prazo;

Em relação ao mercado em monopólio, a concorrência imperfeita se diferencia porque há livre entrada e saída de empresas no mercado, bem como a não exclusividade total do produto;

Em relação à concorrência perfeita, a concorrência monopolística se diferencia pela existência de capacidade ociosa e markup. As empresas mantém certa capacidade ociosa como forma eficiente de resposta de curto prazo às variações de demanda, permitindo a estas certo controle sobre o preço da mesma forma que no monopólio, pois as variações na quantidade ofertada leva à variações nos preços. Já o markup é a capacidade da empresa de impor aos preços uma parte que depende dos custos marginais, onde, qualquer que seja esse custo, sempre haverá um retorno calculado a partir deste;

Uma das formas de diferenciação do produto é a simples mudança da percepção que tem dele a população, tornando diferenciado apesar de ter características iguais em relação aos seus concorrentes. Isso pode ser feito através da propaganda e/ou da utilização de marcas que se destaquem em relação às demais no mercado, seja no mesmo ou em outro.
__________
Lucas Casonato”

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: